Confira o roteiro de exposições
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Confira o roteiro de exposições

Celso Filho

10 de março de 2016 | 18h18

A seguir, as principais exposições entre os dias 11/3 e 17/3:

Inaugurações

Água, Paisagem Alterada. A crise hídrica e outras questões relacionadas à água estão presentes nos 50 trabalhos da mostra. Com curadoria de Maria Alice Milliet, são criações do irlandês James Concagh e dos artistas do grupo Em Branco, como Ana Michaelis e Celso Orsini. Centro Brasileiro Britânico. R. Ferreira de Araujo, 741, Pinheiros, 3819-4120. 10h/19h (sáb., dom. e fer., 10h/16h). Inauguração: sáb. (12), 11h/14h. Grátis. Até 30/4.

Francesco Guerrieri_Ritmo AB 1_1965_Acrílico e fios de nylon sobre tela_100X130cm_Courtesy of Concetta Guerreiri

Foto: Concetta Guerrieri/divulgação

+ A mostra Olhar em Movimento visita a arte cinética italiana entre os anos 1950 e 1970. Com curadoria de Micol Di Veroli, reúne destacados nomes do movimento, como Francesco Guerrieri (foto), Bruno Munari e Marina Apollonio. Instituto Tomie Ohtake. Av. Brig. Faria Lima, 201, Pinheiros, 2245-1900. 11h/20h (fecha 2ª). Inauguração: 5ª (17). Grátis. Até 1º/5.

Andrey Zignnatto. O artista é o convidado do projeto ‘Intervalo Contemporâneo’, da Fundação Ema Klabin. Com seu trabalho com tijolos, ele criou uma instalação inédita, montada no pátio do museu. Fundação Ema Klabin. R. Portugal, 43, Jd. Europa, 3897-3232. 14h/17h (sáb., 14h/ 16h30; fecha dom. e 2ª). Inauguração: sáb. (12), 14h. R$ 10 (6ª e sáb., grátis). Até 12/4. De 3ª a 5ª, é necessário agendar a visita.

David Batchelor. As cores e o ambiente urbano guiam a pesquisa do escocês. Em ‘Glowsticks’, ele apresenta uma série recente, na qual criou painéis com circuitos de luz LED. Galeria Leme. Av. Valdemar Ferreira, 130, Butantã, 3093-8184. 10h/19h (sáb., 10h/17h; fecha dom. e 2ª). Inauguração: 3ª (15), 19h. Grátis. Até 23/4.

06. AnaBellaGeiger_Passagens_FilmesVideosIC_Divulgação

Foto: Itaú Cultural/divulgação

+ Em Filmes e Vídeos de Artistas na Coleção Itaú Cultural, o acervo do instituto é apresentado em 19 obras. A seleção engloba nomes de diferentes gerações, como Sara Ramo, Anna Bella Geiger (foto) e Cao Guimarães. Itaú Cultural. Av. Paulista, 149, metrô Brigadeiro, 2168-1777. 9h/20h (sáb., dom. e fer., 11h/20h; fecha 2ª). Inauguração: 5ª (17). Grátis. Até 22/5.

Joseph Beuys. A mostra lembra os 30 anos de morte do artista alemão, que fez parte do movimento Fluxus. A carreira de Beuys é visitada em esculturas, desenhos, gravuras e vídeos, reunindo criações feitas entre os anos 1950 e 1980. Galeria Bergamin & Gomide. R. Oscar Freire, 379, loja 1, Jd. Paulista, 3853-5800. 11h/19h (sáb., 11h/15h; fecha dom.). Inauguração: 5ª (17), 19h. Grátis. Até 30/4.

Lembre-se de Lembrar. Na exposição coletiva, a curadora Alexia Tala aborda a conjuntura política, social e econômica da América Latina pelas obras de dez artistas estrangeiros. Estão reunidas criações de nomes como Melanie Smith, Alfredo Jaar e Enrique Ramirez. Carbono Galeria. R. Joaquim Antunes, 59, Jd. Paulistano, 4564-8400. 10h/19h (sáb., 11h/15h; fecha dom.). Inauguração: 3ª (15), 19h30. Grátis. Até 28/5.

Conjunto Nino_Sem título_sem data_escultura em maderia_®Joao Liberato 3

Foto: João Liberato/divulgação

+ Nome de destaque na arte popular, João Cosmo Felix (1920-2002), o Nino, é homenageado com 20 esculturas feitas entre 1980 e 1990. A mostra também lança um documentário de André Parente sobre a carreira do cearense. Galeria Estação. R. Ferreira de Araújo, 625, Pinheiros, 3813-7253. 11h/19h (sáb., 11h/ 15h; fecha dom.). Inauguração: 4ª (16). Grátis. Até 30/4.

Mariana Tassinari. Em ‘Quina’, a artista apresenta 30 fotografias, algumas inéditas, nas quais ela explora diferentes suportes – como impressão UV sobre alumínio e backlight. A curadoria é de Eder Chiodetto. Fauna Galeria. R. Tangará 132, V. Mariana, 3668-6572. 10h/19h (sáb., 10h/14h; fecha dom.). Inauguração: 5ª (17), 19h. Grátis. Até 30/4. Aos sábados, é necessário agendar visita.

Rico Lins. O designer apresenta um recorte de sua produção de cartazes na mostra ‘Marginais Heróis’. São 40 peças retratando celebridades como Zé do Caixão, James Dean e Chico Science. Museu da Casa Brasileira. Av. Brig. Faria Lima, 2.705, Jd. Paulistano, 3032-3727. 10h/18h (fecha 2ª). Inauguração: sáb. (12), 11h. R$ 7 (sáb., dom. e fer., grátis). Até 15/5.

Silêncio(s) do Feminino. Para abordar temas relacionados ao universo feminino e o papel da mulher na sociedade, a curadora Sandra Tucci selecionou obras de cinco artistas. São elas: Cris Bierrenbach, Lia Chaia, Beth Moyses, Rosana Paulino e Marcela Tiboni. Caixa Cultural. Pça. da Sé, 111, Centro, 3321-4400. 9h/19h (fecha 2ª). Inauguração: sáb. (12). 11h. Grátis. Até 1º/5.

Veias. A mostra reúne 105 obras do sueco Anders Petersen e do dinamarquês Jacob Sobol. Com a fotografia, os artistas se dedicam a registrar pessoas marginalizadas pela sociedade, como viciados em drogas e prostitutas. Caixa Cultural. Pça. da Sé, 111, Centro, 3321-4400. 9h/19h (fecha 2ª). Inauguração: sáb. (12). 11h. Grátis. Até 8/5.

Zed Nesti. Em ‘Pra Inglês Ver’, o artista carioca aborda a formação da identidade nacional brasileira e os clichês da cultura de massa. Estão reunidas 21 pinturas recentes de Nesti. Galeria Bolsa de Arte. R. Mourato Coelho, 790, V. Madalena, 3812-7137. 10h/19h (sáb., 11h/17h; fecha dom.). Inauguração: 3ª (15), 19h. Grátis. Até 7/5.

Última semana

Carla Zaccagnini. A instalação ‘Elementos de Beleza’, pertencente ao acervo do Masp, é exibida no museu pela primeira vez. Nela, Carla aborda os movimentos feministas da Inglaterra nos anos 1910. Masp. Av. Paulista, 1.578, metrô Trianon-Masp, 3149-5959. 10h/18h (5ª, até 20h; fecha 2ª). R$ 25 (3ª, grátis). Até dom. (13).

Gabriel Wickbold Studio & Gallery. Do artista Gabriel Wickbold, a galeria inaugurou com ‘Celestial Bodies’. A mostra reúne 11 fotografias subaquáticas de Christy Lee Rogers. R. Lourenço de Almeida, 167, V. Nova Conceição, 3051-4919. É necessário agendar visita. Grátis. Até 6ª (11).

A Gravura de Arthur Luiz Piza. O paulistano é homenageado por seus trabalho como gravurista. É exibida uma coleção de 137 gravuras doadas por Piza à instituição – visitando suas experimentações desde que se mudou para a França, nos anos 1950. Estação Pinacoteca. Lgo. Gal. Osório, 66, Luz, 3335-4990. 10h/18h (fecha 3ª). R$ 6 (sáb., grátis). Até 2ª (14).

Gravura e Modernidade. Na mostra, 201 obras de 54 artistas dão um panorama da técnica no Brasil entre os anos 1920 e 1960. São criações de nomes como Abelardo da Hora, Lasar Segall e Oswaldo Goeldi. Estação Pinacoteca. Lgo. Gal. Osório, 66, Luz, 3335-4990. 10h/17h30 (fecha 3ª). R$ 6 (sáb., grátis). Até 2ª (14).

Jimson Vilela. O artista monta a instalação ‘Adaptável ao Espaço que as Palavras Ocupam’. Vilela toma o espaço com um rolo de uma tonelada de papel, que saiu de apenas um livro. CCSP. R. Vergueiro, 1.000, metrô Vergueiro, 3397-4002. 10h/20h (sáb. e dom., 10h/18h). Grátis. Até dom. (13).

Olhar do Colecionador. A mostra apresenta 31 gravuras do acervo do colecionador Fernando Ratão. São criações de dez artistas, como Maikel da Maia, Luise Weiss, Paulo Penna e Hélio Schonmann. Graphias. R. Joaquim Távora, 1.605, V. Mariana, 5539-1358. 13h/ 18h (sáb., 11h/15h; fecha dom. e 2ª). Grátis. Até sáb. (12).

Território, Povoação. Contemplados pelo edital C.Lab, os curadores Gabriel Bogossian e Juliana Gontijo selecionaram para a mostra trabalhos de cinco artistas latino-americanos. São eles: Andres Bedoya, Carlos Guzmán, Julián D’Angiolillo, Victor Leguy e Ximena Garrido-Leccae. Blau Projects. R. Fradique Coutinho, 1.464, V. Madalena, 3467-8819. 11h/19h (fecha dom. e 2ª). Grátis. Até sáb. (12).

Thereza Salazar. Com impressões em vidro e serigrafias, Thereza cria cenas, misturando elementos das ciências naturais, animais e seres imaginários. Ela reúne estas obras inéditas em ‘Fantasmas’. Neste sábado (12), às 13h, a artista e o curador da mostra Renato Pera fazem um bate-papo aberto ao público. Galeria Emma Thomas. R. Estados Unidos, 2.205, Jd. Europa, 3662-3634. 11h/19h (sáb., 11h/15h; fecha dom.). Grátis. Até 4ª (16).

Em cartaz

Galeria Virgilio. A galeria tem duas mostras em cartaz. ‘Os Desenhos da Fotografia’ reúne trabalhos em fotografia de Celina Yamauchi. Já Sergi Spalter apresenta pinturas recentes. Galeria Virgilio. R. Virgílio de Carvalho Pinto, 426, Pinheiros, 2373-2999. 11h/19h (sáb., 11h/17h; fecha dom.). Grátis. Até 2/4.

Harun Farocki. Em instalações, ‘Programando o Visível’ recupera seis vídeos do artista e cineasta, que morreu em 2014. Entre os trabalhos, cinco são inéditos no País. Paço das Artes. Av. da Universidade, 1, Cid. Universitária, 3814-3842. 10h/19h (sáb. e dom., 11h/ 18h; fecha 2ª e 3ª). Grátis. Até 27/3.

Marina Saleme. Em ‘O Céu que nos Protege’, a pintora apresenta suas obras recentes. Além das pinturas, a mostra também expõe trabalhos de Marina com a fotografia, como registros do Regent Park, de Londres. Galeria Luisa Strina. R. Pe. João Manuel, 755, Jd. Paulista, 3088-2471. 10h/19h (sáb., 10h/17h; fecha dom.). Grátis. Até 26/3.

Mondrian e o Movimento De Stijl. A mostra apresenta tanto o trajeto percorrido por Piet Mondrian até o neoplasticismo quanto as influências do grupo da revista ‘De Stijl’ na arquitetura e no design. Das 70 obras, 30 são de Mondrian. CCBB. R. Álvares Penteado, 112, Centro, 3113- 3651. 9h/21h (fecha 3ª). Grátis. Até 4/4.

O Mundo de Tim Burton. Na mostra, o imaginário do cineasta e suas inspirações são revelados por meio de 500 objetos pessoais. Além de referências a seus filmes, estão desenhos, pinturas e outras peças. MIS. Av. Europa, 158, Jd. Europa, 2117-4777. 10h/20h (sáb., 9h/21h; dom., 11h/19h; fecha 2ª). R$ 12 (3ª, grátis). Até 15/5.

Natureza Franciscana. A partir do ‘Cântico das Criaturas’, de São Francisco de Assis, o curador Felipe Chaimovich selecionou trabalhos que abordam a relação entre o homem e a natureza. São 37 obras de artistas contemporâneos, como Brígida Baltar, Paulo Lima Buenoz e Nazareth Pacheco. MAM. Pq. Ibirapuera. Av. Pedro Álvares Cabral, s/nº, portão 3, 5085-1300. 10h/17h30 (fecha 2ª). R$ 6 (dom., grátis). Até 5/6.

Niura Bellavinha. A média-metragem ‘NháNhá’, gravada no interior de Minas, é um dos destaques de ‘iTa LíTica Barroca’. Além da obra, também exibe desenhos, pinturas e fotografias da artista. Galeria Millan. R. Fradique Coutinho, 1.360, Pinheiros, 3013-6007. 10h/19h (sáb., 11h/18h; fecha dom. e 2ª). Grátis. Até 19/3.

Paisagem nas Américas: Pinturas da Terra do Fogo ao Ártico. Parceria com a Art Gallery of Ontario e a Terra Foundations for American Art, a mostra aborda a pintura de paisagem no continente americano. As 105 obras contemplam mais de um século de produção – com nomes como Tarsila do Amaral, Pedro Américo e Georgia O’Keffe. Pinacoteca. Pça. da Luz, 2, 3324-1000. 10h/17h30 (fecha 3ª). R$ 6 (sáb., grátis). Até 29/5.

Renata Pelegrini. A arquitetura e os espaços urbanos são elementos presentes no trabalho da artista. Em sua primeira mostra individual, Renata apresenta 20 obras, entre pinturas e desenhos. Casa Contemporânea. R. Capitão Macedo, 370, V. Mariana, 2337-3015. 14h/19h (sáb., 11h/17h; fecha dom. e 2ª). Grátis. Até 26/3.

Especial

#ForadaModa. Em abril, o Sesc Ipiranga inaugura a exposição homônima, que relaciona arte e moda. Até lá, o espaço receberá cursos, oficinas e performances. Aos domingos, o Grupo Maior que Eu abre seu ateliê, onde produzem peças para a mostra. Já aos sábados, o coletivo Ele Quer um Nome executa uma performance. Sesc Ipiranga. R. Bom Pastor, 822, Ipiranga, 3340-2000. ‘Grupo Maior…’: dom., 12h. Até 5/6. ‘Ele Quer…’: sáb., 20h. Até 19/3. Grátis.

Tudo o que sabemos sobre:

exposiçõesItaú CulturalNino

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.