Chegou o inverno
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Chegou o inverno

Redação Divirta-se

29 de junho de 2020 | 03h00

Cris Berger

Guia Pet Friendly

No calendário do Hemisfério Sul já é inverno. Sou uma amante desta estação. E você? Adoro passear com a Ella (minha cachorrinha) e sentir o ar seco e frio. A luz é mais bonita, as cores intensas. Inverno é bom para dormir conchinha com a Ella, que é uma sharpei deliciosa e cheia de dobrinhas. Sem falar que a gente se veste melhor – inclusive a Ella! Porém (sim temos um porém aqui),- as temperaturas mais baixas podem trazer (ou acentuar) algumas doenças, tanto para nós como para nossos pets.

Quando o tempo esfria, é preciso ter cuidados a mais com os pets. Foto Cris Berger

Imunidade

A médica veterinária clínica geral Natália Ardizon, que acompanha a Ella há anos, alertou: “o frio baixa a imunidade, mantenha a Ella quentinha para evitar doenças respiratórias, que são as mais comuns nesta época do ano”. E como a Ella tem rinite e bronquite, redobrei a atenção.

As botinhas foram adotadas com a chegada do coronavírus e sabe o quê? Vou manter este hábito. As patas ficam limpas e aquecidas. O casaco (Zheos, R$ 208) que a Ella usa na foto é corta-vento: ele fica pendurado ao lado da porta de casa e uso quando o frio se mostra rigoroso. Durante o dia, coloco um moletom que a deixa aquecida e confortável. Lembrando que o ideal é sair em horários mais quentes. Se estiver chovendo, capa de chuva, hein?

A Ella tem um sofá-cama em casa e outro no escritório, ou seja, não pega friagem do piso de jeito nenhum. Quando acabar a quarentena e os restaurantes pet friendly voltarem a abrir, sempre levarei o colchonete. Ele tem tripla utilidade: mantém os pets limpos, sem contato com a sujeira do chão, quentinhos e delimita o local onde podem ficar. Eu sempre tenho uma mantinha na bolsa.

Banhos

Neste período de quarentena, muitos pets estão tomando banho em casa, apesar dos pet shops já estarem abertos para banho e tosa. Os pets de pelo curto, como a Ella, secam com mais facilidade. Ainda assim, a Dra Natália me alertou: “capricha na secagem, porque umidade esfria o corpo”.

Doenças e vacinas

Já ouviu falar na Tosse dos Canis? O nome técnico é Bordetella bronchiseptica, que causa a traqueobronquite infecciosa canina e provoca tosse seca e apatia. Há vacina, e a dra. Natália recomendou que eu vacinasse a Ella. Afinal, é melhor prevenir do que remediar.

O inverno também não é muito amigo dos animais que sofrem de artrose e artrite. Mais um conselho da médica veterinária: “Com a dor, os pets evitam se movimentar. Às vezes, deixam de comer. Importante ficar de olho nos primeiros sinais, para não agravar o quadro. Lentidão nas caminhadas, evitar brincadeiras e vocalizar quando fazem algum movimento rápido são sinais de alerta”.

Tudo o que sabemos sobre:

Pet friendlyinverno

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.