Arthur Luiz Piza é homenageado em duas mostras em SP
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Arthur Luiz Piza é homenageado em duas mostras em SP

Celso Filho

05 de novembro de 2015 | 17h26

Obra de Arthur Luiz Piza

Foto: Isabela Matheus/Divulgação

Ex-aluno de Antonio Gomide, o paulistano Arthur Luiz Piza iniciou sua carreira nos anos 1940. Influenciado pelas vanguardas estéticas do modernismo, esteve na 1ª Bienal de São Paulo, em 1951, e, em seguida, mudou-se para Paris. Sete décadas de sua obra são, agora, visitadas em duas mostras, na Estação Pinacoteca e na Galeria Raquel Arnaud.

Piza construiu sua carreira na França, onde ainda mora. “Naquela época, em São Paulo, a influência europeia era total. A vontade de existir de um artista tinha esse filtro”, explica. No ateliê de Johnny Friedlaender, ele desenvolveu técnicas de gravura. É este lado que está em ‘A Gravura de Arthur Luiz Piza’, na Estação. Com curadoria de Carlos Martins, é exibida uma coleção de 137 obras, doadas por Piza à instituição.

Da gravura, Piza continuou a experimentar, o que o levou à produção de relevos e colagens. Sua pesquisa também se guiou pela geometrização das formas. Essa carreira pela arte abstrata é uma das faces mostradas em ‘Piza – 1947/2015’, na Raquel Arnaud. Na retrospectiva, com curadoria de Ricardo Sardenberg, estarão 40 obras, entre gravuras, pinturas, relevos, esculturas, desenhos e aquarelas.

ONDE: Estação Pinacoteca. Lgo. Gal. Osório, 66, Luz, 3335-4990. QUANDO: 10h/18h (fecha 2ª). Inauguração: sáb. (7), 11h. Até 12/2/2016. QUANTO: R$ 6 (sáb., grátis).

ONDE: Galeria Raquel Arnaud. R. Fidalga, 125, V. Madalena, 3083-6322. QUANDO: 10h/19h (sáb., 12h/16h; fecha dom.). Inauguração: 5ª (12). Até 19/12. QUANTO: Grátis.

Tudo o que sabemos sobre:

Arthur Luiz PizaEstação Pinacoteca

Tendências: