Voz das artes

Sonia Racy

19 de março de 2016 | 00h20

Mais artistas s se posicionaram, ontem, sobre o momento político. Fernando Meirelles, que apoiou Marina Silva na última eleição, prega o fim da polarização. “Precisamos ‘descoxinhar’ e ‘despetralhar’ os discursos”, afirma, apontando que “não houve assalto da esquerda, houve, sim, desvios. E não existe golpe da direita, mas há a Justiça fazendo seu trabalho”.

O cineasta chamou a atenção para a mobilização dos jovens: “Esquerda e direita não existe na cabeça da rapaziada, esse trem já passou. Precisamos parar de perder tempo com isso e pensar em como construir um país bacana. Nosso potencial é imenso”.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.