Voo solo

Sonia Racy

12 de maio de 2011 | 23h13

Após um dia inteiro de palestras, em evento fechado sobre a evolução de aeroportos na América Latina, anteontem, no Hotel Sheraton do WTC, a mesa levantou pertinente pergunta em razão de todo o exposto: “Alguém aqui na plateia acredita na viabilidade da concessão de um terceiro terminal em Guarulhos nos próximos 36 meses?”.

Os mais de cem técnicos presentes, em sua maioria com experiência na área – inclusive representantes da Odebrecht, Camargo Corrêa e Andrade Gutierrez -, se entreolharam em silêncio.

E somente a representante da nova Secretaria da Aviação Civil levantou, timidamente, a mão.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.