Vizinho Reincidente

Redação

27 de janeiro de 2009 | 06h00

Só para variar, a Argentina volta a jogar pesado contra o Brasil em questões de comércio exterior. Está aprofundando, desde o começo do ano, práticas questionáveis para barrar exportações do Brasil, atingindo de frente empresas como Tramontina e Paramount.

A ação está deixando o governo brasileiro irritado, a ponto de o Ministério do Desenvolvimento ter despachado seu secretário Welber Barral para conversar, ontem, com sua colega Debora Giorgi, em Buenos Aires.

Na crise, os vizinhos têm histórico de entrar com uma espécie de vale-tudo.

Leia outras notas no blog da coluna Direto da Fonte

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.