Vik Muniz fala da “maneira egoísta e insustentável” com a qual lidamos com a vida

Vik Muniz fala da “maneira egoísta e insustentável” com a qual lidamos com a vida

Sonia Racy

15 de julho de 2020 | 00h45

VIK MUNIZ E DORA BARRETTO – FOTO: DENISE ANDRADE/ESTADÃO

Vik Muniz enxerga pelo menos um lado bom da quarentena: a possibilidade de passar mais tempo com filhos e em casa. “Reclamei, ano passado inteiro, sobre não poder dormir na minha cama de tanto viajar e agora tenho encarado o isolamento como oportunidade para viver intensamente com a minha família”. Como distração, o artista comprou uma sanfona que aprende a tocar com a filha Dora. “Essa pandemia é apenas um começo de uma nova realidade repleta de desafios relacionados à maneira egoísta e insustentável com a qual lidamos com o nosso universo socioambiental”, diz.

Tudo o que sabemos sobre:

vik muniz

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.