Verdinhas n’água

Sonia Racy

01 de março de 2011 | 23h11

Problemas de… desperdício na casa de Dilma. Levantamento feito pelo próprio governo constatou que o atual sistema de irrigação do Palácio da Alvorada está “totalmente obsoleto e defasado tecnologicamente”, gerando alto custo operacional. Coisa a que a presidenta tem alergia.

Descobriu-se que boa parte da água, que deveria molhar áreas verdes, é jogada sistematicamente no concreto.

Defeito detectado, a Presidência abriu licitação para substituir a velharia. Só para o projeto, segundo o edital, estima-se gasto de R$ 100 mil.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.