Vem mais, 2016!

Sonia Racy

17 de dezembro de 2015 | 00h53

O Masp também começou seu aquecimento. Inspirado na primeira mostra que ocorreu em seu vão livre – Playgrounds, de Nelson Leirner, em 1969 –, o museu começa o ano convidando grupo de artistas para criarem novas obras retomando o espírito dos playgrounds por meio de instalações, objetos, ações e performances para exibir no mesmo local. Em março.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: