Vazio cultural

Sonia Racy

31 Julho 2015 | 01h10

A crise econômica bateu direto nos recursos de incentivo à cultura via Lei Rouanet. De R$ 366,7 milhões no primeiro semestre de 2014, eles diminuíram 18%, segundo dados do MinC. Só na Petrobrás o valor desabou de R$ 15,8 milhões para R$ 1,2 milhão.

No caso do Programa Petrobrás Cultural, que engloba todos os investimentos em cultura da empresa, estes somaram R$ 124 milhões no ano passado. O total de 2015 ainda não está definido. E futuras iniciativas nessa área dependem “das prioridades incluídas no novo Plano de Negócios”. A ser anunciado hoje.

Há quem jure que, no desespero, o meio está pedindo socorro na porta do Itaú Cultural.