Vanessa Montoro comemora certificado Sistema B

Vanessa Montoro comemora certificado Sistema B

Sonia Racy

12 de novembro de 2017 | 00h30

Foto: Rafael Coelho

Trabalhar com o bicho da seda (foto) é coisa para poucos. Acrescente aí o próximo passo: trabalhar a matéria prima com a complicada arte do crochê, mantendo os princípios de conservação da natureza. Tarefa desafiadora. Vanessa Montoro, entretanto, focou na moda seda-crochê e ganhou o certificado Sistema B mundial. Isto é, selo que reconhece empresas que trabalham com lucro aliado a benefícios socioambientais. “Passamos um ano respondendo a questionários”, conta a estilista, que rastreou todo ciclo da produção de fio da seda. “O inseto é frágil, se alimenta exclusivamente da folha de amoreira. Ele, em si, é um auditor da natureza. Se comer qualquer coisa fora a folha sem agrotóxico, morre”. O bicho da seda gera em média um só fio, sem cortes, de dois km de extensão. Vanessa produz e venda peças no Brasil e no exterior.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: