Valor afetivo

Sonia Racy

03 de dezembro de 2014 | 01h02

Está marcada para amanhã audiência pública na Assembleia paulista sobre a desapropriação do teatro Núcleo Bartolomeu de Depoimentos, pedida pelo deputado Carlos Giannazi.

O grupo pretende relatar a história do despejo e mobilizar a sociedade contra a ação da incorporadora INK, que comprou o terreno onde está o teatro.

Afetivo 2

Eugênio Lima, um dos diretores, chegou a conversar com Rosane Almeida, uma das fundadores do Teatro Brincante – que também luta para não ser despejado– na semana passada.

Segundo Lima, ambos estão apostando que os espaços considerados patrimônios imateriais da cidade possam ser protegidos pelo bem público.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.