Único ex-governador em posse de Doria, Fleury considera presença “obrigação”

Único ex-governador em posse de Doria, Fleury considera presença “obrigação”

Sonia Racy

02 de janeiro de 2019 | 00h40

Como não foi à posse de Doria nenhum dos ex-governadores tucanos – Geraldo Alckmin, José Serra e Alberto Goldman –, sobrou para Luiz Antonio Fleury Filho, do MDB, a missão de representar sozinho a bancada dos antigos ocupantes do cargo.

Lembrando que fez um governo (1991-94)“sem coloração partidária ou ideológica”, Fleury disse que considera “obrigação” de um ex-governador convidado comparecer à posse de sucessores.