Uma nova estética

Uma nova estética

Sonia Racy

10 de agosto de 2014 | 01h03

CRÉDITO: IARA MORSELLI

A ideia era juntar arquitetura – ele é formado pela Federal do Rio Grande do Sul –, publicidade e cinema e criar uma nova mídia (digital) para os lançamentos do mercado imobiliário. O mix resultou, em 2004, na Neorama, joint venture de sua empresa de design com uma companhia norte-americana de vídeo, cujos donos o gaúcho Marcio Carvalho conheceu via fóruns de internet. “Tudo na confiança, sem um único contrato, acredita?” O tempo passou, a empreitada vingou (trabalha com Cyrela, MaxHaus, Yuny e Brookfield, entre muitas outras) e ele, agora, vive em constante ponte aérea Porto Alegre-São Paulo. Nos últimos meses, alguns carimbos na imigração dos EUA e da Europa. Ah, e o primeiro filho está a caminho. “É muita coisa, mas vou dar um jeito”, avisa. No rol dos próximos filmes da Neorama, a apresentação do Camargo Corporate Towers, projeto da Pelli Clarke Pelli; um residencial em São Paulo assinado por renomado escritório italiano de design; e as Trump Towers, no Rio.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.