UFC at home

Sonia Racy

02 de janeiro de 2014 | 16h11

Mais difícil do que a recuperação será não dar ouvidos ao filho Kalyl. Foi o que Anderson Silva disse a amigos, segundo apurou a coluna, momentos depois de deixar o hospital, em Las Vegas, anteontem – onde passou por cirurgia para corrigir a fratura na perna sofrida durante combate com Chris Weidman, no sábado.

O ex-campeão mundial de MMA quer voltar logo aos treinos, mas o garoto, de 15 anos, pediu ao pai que se aposente, “para poder passar mais tempo com a família”.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.