Tudo pela imagem

Sonia Racy

20 de novembro de 2010 | 23h05

Luiz Philippe de Orléans e Bragança resolveu processar a Carta Editorial por danos morais. Não gostou de aparecer na antiga Vogue RG fumando charuto e segurando taça de vinho.

Perdeu. O juiz Paulo Eduardo Razuk entendeu que o príncipe errou na dose. “Se os donos da casa queriam demonstrar poder e exibir riqueza… a presença do apelado era um prato cheio. Se não queria aparecer, deveria guardar postura discreta, como seu saudoso avô… o príncipe D. Pedro Henrique de Orléans e Bragança, que não se deixava exibir”, relatou.

E condenou Luiz Phillipe, parente de D. Pedro I, a arcar com honorários de R$ 1.000.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: