Tristeza

Sonia Racy

14 de março de 2011 | 23h04

Tomie Ohtake está consternada com a situação no Japão. Lembra-se nitidamente dos terremotos de Tóquio, em 1923, e de Kobe, há 15 anos, quando perdeu um grande amigo, o pintor e filósofo Waichi Tsudaka.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.