Transparência

Sonia Racy

25 de junho de 2015 | 01h10

A Unicamp resistiu, recorreu até ao STF… e perdeu. Terá de acatar parecer da Ouvidoria-Geral do Estado que a obriga, com base na Lei da Transparência, a divulgar os salários de todos os seus servidores.

No início do ano, o ouvidor Gustavo Ungaro já havia conseguido obrigar a Sabesp a revelar dados sobre fornecimento de água, a tarifas menores, a grandes clientes.