Tortura chinesa

Sonia Racy

25 de janeiro de 2011 | 23h08

As obras de expansão do Hospital Albert Einstein têm tirado o sono de pacientes internados no prédio ao lado da construção. Reclamam que o bate-estaca no bloco E, que está em construção, começa às 7h e o barulho é intenso.

À coluna, a direção do hospital lamenta os transtornos e diz que continuará realizando todos os esforços possíveis para minimizá-los.

As obras desta construção serão concluídas em fevereiro.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.