Toffoli, de férias, não assume STF na ausência de Cármen Lúcia

Toffoli, de férias, não assume STF na ausência de Cármen Lúcia

Sonia Racy

12 Julho 2018 | 00h55

DIAS TOFFOLI

DIAS TOFFOLI. FOTO: DIDA SAMPAIO/ ESTADAO

Jurista de peso, que já passou pelo STF, garante à coluna: não faz sentido a expectativa de adversários de Dias Toffoli de que Cármen Lúcia, ao assumir a Presidência em consequência da viagem de Temer ao exterior, decida acumular o comando do Supremo.

Segundo essa mesma fonte, a Constituição é clara: O art. 60.º da Carta, em seu parágrafo 4.º, inciso III, não autoriza essa prática.

Temer visitará Cabo Verde, depois México e África do Sul. Na primeira viagem, entre 17 e 18 de agosto, quem assume mesmo é Celso de Mello. Toffoli está de férias fora do País.

Leia mais notas da coluna:

Cúpula em Cabo Verde não discutirá resgate dos brasileiros presos

Poderes precisam se respeitar, diz Delfim Netto