Tio Aécio

Sonia Racy

15 de março de 2014 | 01h01

Aécio Neves foi centro de jantar reservado – quinta-feira, no Morumbi –, organizado por Renata e José Ermírio de Moraes.

Aos convidados da quarta geração de empresários brasileiros, pôde transmitir, in loco, um pouco da experiência adquirida ao longo de seus 50 anos.

Tio Aécio 2

O candidato do PSDB à Presidência fez um discurso de mais de uma hora, não sem antes frisar que… ainda não é candidato à Presidência.

Depois, abriu a noite para perguntas. Explicou como funcionou seu governo em Minas, detalhando como iria adaptar os projetos do estado a uma ótica nacional; debateu pesquisas eleitorais que dão Dilma à frente da disputa; e falou sobre o problema da segurança e até a manutenção do Bolsa Família.

Presentes, 50 pessoas.

Tio Aécio 3

Momento de descontração durante o evento, que começou às 21h e acabou pós-meia-noite. Ao avistar certa convidada, toda vestida de vermelho, Aécio provocou: “Você veio de Dilma?”

Resposta rápida: “Não é Dilma, não. É Valentino, mesmo”.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.