Teto

Sonia Racy

12 de abril de 2015 | 01h04

Para conseguir aprovação de seu auxílio-moradia, o ministro Guilherme Afif teve que apresentar 12 certidões negativas atestando que ele não é dono de qualquer imóvel em Brasília.

Via crúcis feita, o ministro conversou com Dilma e, anteontem, a exigência foi eliminada por meio do projeto Bem Mais Simples– que visa descomplicar a vida dos brasileiros.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: