Tecnologia e rastros digitais são tema de mostra interativa no Museu da Amanhã

Tecnologia e rastros digitais são tema de mostra interativa no Museu da Amanhã

Sonia Racy

04 de maio de 2016 | 15h08

Começa, sexta, no Museu do Amanhã, a exposição interativa CAPTE-ME: nenhuma presença será ignorada. O objetivo é apresentar ao público a ideia de que os humanos produzem rastros digitais e que os dados produzidos por sua interferência são utilizados na construção de novos conhecimentos.

O visitantes poderão interagir com projeções, sons e gráficos que mostrarão dados recolhidos em tempo real. Junto a isso, textos e vídeos de especialistas abordarão temas como “O que é dado, informação e conhecimento”, “Internet de Todas as Coisas” e “Big Data”; e tablets exibirão visualizações geradas pelo fluxo de pessoas, no mundo.

museu