Temer conta do que sentirá falta

Sonia Racy

12 Dezembro 2018 | 00h45

MICHEL TEMER. FOTO ESTADÃO

Em almoço fechado com o mercado financeiro, semana passada, promovido pela XP Investimentos, Temer foi questionado se sabia do que ele mais sentiria falta depois do dia 1.º de janeiro:

“Do ‘fora Temer’, visto que já estarei mesmo fora.”

Leia mais notas da coluna:
‘Nem famílias visitam mulheres presas’, diz Cármen Lúcia 
Salles vai replicar, no ministério, medidas que tomou em SP