Tanque cheio

Sonia Racy

26 de fevereiro de 2016 | 01h20

Benedito Braga respira aliviado: tudo indica, no momento em que a Cantareira ultrapassa o nível de 50% em suas reservas, que a crise hídrica em SP acabou. “Estamos saindo gloriosamente dessa crise hídrica”, disse à coluna.

O secretário de Recursos Hídricos foi ontem ao Bandeirantes dar a notícia pessoalmente a Geraldo Alckmin. “É uma situação muito boa e ainda temos o mês de março, que chove bastante também. Estamos extremamente tranquilos”, avaliou.

Questionado sobre se casos de desabastecimentos em parte do Estado vai continuar, Braga negou que ainda exista. “Não há mais redução da pressão da água de dia, apenas na madrugada como sempre houve.”

Próximos passos? Concluir duas obras — a PPP São Lourenço e a interligação do Jaguari com o Atibainha–  até 2017, para “ter sossego”.

Atualizada às 13h24 de 26 de fevereiro de 2016.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.