Socorro externo

Sonia Racy

01 de fevereiro de 2012 | 23h01

Laureados do “Blue Planet Prize” se reúnem em Londres, semana que vem, para montar um documento dirigido a chefes de Estado.

Querem dar mais objetividade às propostas feitas para a cambaleante Rio+20. E evitar que ela fique restrita a declarações grandiosas. Entre os presentes estará José Goldemberg, da USP (energia), premiado em 2008.

O reconhecido professor preparou um paper no qual prova ser impossível resolver o problema do aquecimento global sem a participação ativa dos Brics – Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul. “O Brasil deveria assumir a liderança do processo, uma vez que nossa matriz energética é limpa”.

É essencial, porém, segundo Goldemberg, que o problema do desmatamento da Amazônia seja resolvido de forma satisfatória e real. “Temos de agir”.

James Lovelock (criador da Hipótese Gaia), Paul Ehrlich (população) e Robert Watson (clima) também confirmaram presença na reunião.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: