Só que não

Sonia Racy

13 de novembro de 2014 | 01h07

O governo do Estado se surpreendeu com a notícia de que a Via 4, do grupo CCR, teria a receber mais de R$ 400 milhões do Metrô – o que fez a ação da empresa subir, e muito, na BM&F Bovespa.

A euforia no mercado, entretanto, durou pouco.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.