Shopping do shopping

Sonia Racy

18 de dezembro de 2013 | 01h09

A venda da participação da WTorre no Shopping JK deve ser concluída antes do fim do ano. Atualmente, o controle é dividido em partes iguais entre a WTorre, de Walter Torre, e o Iguatemi, de Carlos Jereissati.

Não será comprado pelo R$ 1,2 bilhão pretendido no começo do ano. Nem por R$ 800 milhões, como chegou a circular em novembro. Acredita-se que o negócio saia por R$ 600 milhões.

Shopping 2

Há dois grupos interessados. Mas é preciso lembrar que o Iguatemi tem direito de preferência. Isso significa que Jereissati pode cobrir qualquer oferta.

Outra possibilidade é a de o Iguatemi se unir a um dos grupos. E juntos, assumirem os 50% da WTorre.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: