Sexy na medida

Sexy na medida

Sonia Racy

25 de agosto de 2013 | 01h16

Foto: Paulo Giandalia/Estadão

Como não encontrava uma lingerie que a satisfizesse, Lalá Rudge resolveu… criar a própria. “Nas lojas brasileiras, ou ela é superbásica ou quase vulgar de tão sexy”, diz. “Queria um meio-termo, peças mais conectadas com as tendências da moda internacional”. Versada nahaute couture– graças, sobretudo, aos tempos de Daslu e ao blog que leva seu nome e conta milhares de fiéis seguidoras –, ela criou, no ano passado, a La Rouge Belle, linha de lingerie vendida em multimarcas pelo País. O sucesso foi tanto que, quinta-feira, Lalá inaugura sua primeira loja, no Iguatemi, em SP. “Toda cor-de-rosa, bem de mulher mesmo”, enfatiza a paulistana de 23 anos. “Ah, só lá as clientes poderão comprar a linha Couture”, avisa, “com peças em seda e renda francesa”. Atitude de grife!

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: