Será que ele pára?

Redação

14 de dezembro de 2008 | 06h00

Sérgio Cabral iniciou uma nova cruzada: quer convencer o presidente Lula a parar de fumar.

Há um mês longe do vício – após uma overdose de cigarrilhas nas eleições – o governador “atacou” o presidente com a idéia, na quinta-feira.

E garante ter arrancado dele a promessa de que, pelo menos, “vai tentar parar”.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: