Secretário de Alckmin ganha reforço do setor rural

Sonia Racy

29 Março 2017 | 00h45

Durante a transmissão de cargo de Gustavo Junqueira para Marcelo Viera, anteontem, na sede da Sociedade Rural Brasileira, o agora ex-presidente da SRB arrumou espaço, em seu discurso, para falar sobre Ricardo Salles.

Elogiou a “coragem e visão” de Geraldo Alckmin na escolha de seu secretário de Meio Ambiente, “mudando o rumo de São Paulo”.

Salles está em pé de guerra com o MP estadual.

Novos rumos

Muito se falou, anteontem e ontem, sobre o que levou os controladores da Vale a escolherem Fabio Schwartzman para presidir a ex-estatal. Poucos analistas, entretanto, se atentaram para “detalhe” importante. Foi na condição de presidente da Klabin que Schwartzman coordenou a migração da empresa para o novo mercado.

Certamente terá o mesmo destino, a Vale.

Não me amo

A recondução de Pedro Parente à presidência da Petrobrás, por mais dois anos, votada no conselho de administração, foi quase… unânime. Dos nove conselheiros, um pediu abstenção: o próprio presidente da estatal.

Sobre cadeiras

Por falar em conselho de administração, Horácio Piva vai ocupar a cadeira de Pedro Piva, no conselho da Klabin. Herdeiro João Goulart Neto filiou-se anteontem ao PT do Rio Grande do Sul. O neto mais novo do ex-presidente defende que o conceito de trabalhismo, de seu avô, ainda é válido.

Bastidores

Gilberto Kassab, do PSD, e Campos Machado, do PTB-SP, se reuniram ontem em São Paulo. Pelo que se apurou, conversaram sobre uma possível campanha de José Serra ao governo do Estado. E como iriam atuar.

Os dois partidos, aliados de Alckmin, não veem com bons olhos o aumento da popularidade de Doria.

Nos trilhos

Integrantes do governo Alckmin comemoravam ontem a inclusão do projeto do trem intercidades aos PPIs do governo Temer. O presidente virá à capital em abril para anunciar a parceria que vai ligar São Paulo a Americana.