Saúde frágil

Sonia Racy

10 de fevereiro de 2011 | 23h02

A consulta pública que a Anvisa abrirá dia 31 de março para restringir venda de cigarros – inclusive em pontos de venda- é polêmica.

A Federação Brasileira de Hospedagem e Alimentação, que reúne sindicatos da indústria de hotéis, bares e restaurantes, diz temer que se repita aqui o que aconteceu no Uruguai: epidemia de contrabando.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.