Saúde, Brasil

Redação

22 de setembro de 2009 | 07h12

Antes de embarcar ontem para Londres, com uma comitiva de empresários, José Temporão se mostrou otimista. “Esta é a nossa segunda missão montada para tentar reverter o déficit de US$ 7 bilhões na balança comercial da saúde”, disse à coluna. A viagem inclui… a China.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.