Samba doido

Sonia Racy

28 Setembro 2013 | 01h12

Dilma foi a Nova York animar investidores a entrarem no Brasil, por meio de concessões de infraestrutura.

Entretanto, o TCU, ao liberar os editais das rodovias – que Guido Mantega classificou durante o seminário como rentáveis e atrativas –, determinou redução de tarifas significativa: de 10% a 12%.

Os empresários brasileiros perceberam e já puxam o freio de mão.