Samba do juiz

Redação

20 de fevereiro de 2009 | 06h00

O carnaval de Manaus foi parar na justiça.

Na hora de definir a ordem de entrada das escolas, tanto no primeiro como no segundo grupo, a briga foi tamanha que o jeito foi recorrer aos tribunais.

Leia outras notas no blog da coluna Direto da Fonte

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.