Salutar

Sonia Racy

07 de julho de 2010 | 23h12

Pode tomar proporções maiores um novo escândalo envolvendo uma certa empresa brasileira, vendedora de medicamentos para quase todas secretarias de saúde do Brasil.

Sob o pretexto de venda de remédios desonerados de ICMS aos Estados, calcula o imposto em duplicidade, fraudando o fisco. O MPF abriu inquérito em Brasília.