Salim Schahin quer pena mínima prevista em acordo de delação

Sonia Racy

01 Junho 2018 | 00h55

Condenado em segunda instância anteontem pelo TRF-4, Salim Schahin teve um voto favorável. O que significa isso?

Sua defesa poderá entrar com embargos infringentes. Querem a pena mínima prevista no acordo de delação, de 2 anos em regime domiciliar.

Moro havia dado a pena máxima acordada: 4 anos em regime domiciliar. Mesmo admitindo que a eficácia da delação é “indiscutível”, considerou os termos muito favoráveis ao réu.

Leia mais notas da coluna:

PDT espera eleger entre 40 e 65 deputados federais

Itamaraty espera 60 mil brasileiros na Rússia