Sala de som

Sonia Racy

17 de maio de 2013 | 01h03

Heitor Dhalia convidou Antonio Pinto para a finalização da trilha de seu Serra Pelada. Que pretende fundir a tradicional guitarrada paraense com a música tocada hoje em Belém.

O conceito nasceu do encontro com o músico Felipe Cordeiro – herdeiro musical de Manoel Cordeiro, o maior produtor de lambada dos anos 90.

Som 2

Bastante procurado por estúdios de Hollywood, o compositor brasileiro tem em seu portfólio os filmes Colateral, Senhor das Armas e Plano de Fuga.

Por aqui, assinou a trilha de cinco filmes de Walter Salles.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.