Retribuição

Sonia Racy

28 de março de 2012 | 16h49

A visita de FHC deu sorte. Assim que soube, ontem pela manhã, que seu câncer desapareceu, Lula pediu a Paulo Okamoto, do Instituto da Cidadania, que telefonasse ao ex-presidente para dar a boa notícia.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: