Restaurando

Sonia Racy

25 de maio de 2011 | 16h45

Bandeira da gestão de Carlos Augusto Calil, a restauração do edifício Sampaio Moreira, primeiro arranha-céu de SP, entrou no… “papel”. Saiu o edital da Secretaria de Cultura dando 30 dias para as construtoras se habilitarem.

Orçado em R$ 16 milhões, o projeto é de Samuel Kruchin.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.