Responsabilidade

Sonia Racy

09 de dezembro de 2015 | 01h20

Na apresentação da Rio 2016, hoje em Los Angeles, uma das missões de Carlos Nuzman será a de convencer os dirigentes do COI que a preocupação com o processo de impeachment de Dilma não tem razão de ser.

Pelas regras do comitê, se algo der errado, é o governo do País sede que paga a conta.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.