Rejeição, não

Sonia Racy

20 de julho de 2012 | 01h09

Boa notícia para quem precisa de transplante de rim. O Ministério da Saúde liberou R$ 10 milhões para compra de imunoglobulina. O medicamento, usado em caso de rejeição do órgão, será disponibilizado pelo governo.

Os pacientes também poderão fazer exame, pelo SUS, para checar se há esse risco após a cirurgia – o que costuma ocorrer em até 30% dos casos.

Em 2011, houve mais de 23 mil transplantes no País, sendo quase 5 mil de rim.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.