Reestruturação

Sonia Racy

24 de junho de 2015 | 01h12

Ontem, a CPI do Carf aprovou a convocação de 13 pessoas para depor. Entretanto, longe desta turbulências, e evoluindo na direção da governança, o Conselho está praticamente novo.

Com apoio da OAB e seleção de conselheiros de pesos, ele foi reorganizado internamente e arrumou o estoque de processos para julgar com “precisão e consistência”, segundo fonte próxima ao processo.

Em julho ele reabre. Só falta o Ministério do Planejamento autorizar alguns funcionários – considerados indispensáveis ao funcionamento do conselho – a participar.