Rapidez

Sonia Racy

27 de setembro de 2012 | 01h06

O brasileiro Waldyr da Silva Prado Neto foi julgado por insider trading(uso de informação privilegiada) durante operação do Burger King, comprado pelo trio Jorge Paulo Lemann, Marcel Telles e Beto Sicupira em 2010.

Acusado pela SEC (a CVM americana), foi condenado por tribunal federal de NY.

O ex-executivo da Wells Fargo teve seus ativos congelados.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.