Quatro patas

Sonia Racy

20 de abril de 2013 | 01h03

Cresce a animosidade entre proprietários/criadores de cavalos e Eduardo Rocha Azevedo. O presidente da Associação Paulista de Fomento ao Turfe quer saber para onde foi o dinheiro da venda da sede no centro de SP – que vai a leilão no dia 10. “Que parte cabe ao clube e que parte pertence ao turfe?”, questiona Alessandro Arcangeli.

Quatro patas 2

E mais: “Não houve licitação na escolha da XYZ e seu novo espaço para eventos dentro do clube. O estatuto dita que o comprometimento de qualquer patrimônio pressupõe concorrência e aprovação em assembleia. Como pode o assunto ter ido adiante sem que isso fosse considerado?”

Com a palavra, Rocha Azevedo.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: