Quase digital

Sonia Racy

17 Janeiro 2015 | 01h05

A partir do dia 20, pedidos de execução orçamentária da Prefeitura terão de ser feitos por via eletrônica. Segundo Leda Paulani, chefe de Planejamento, será a primeira leva de processos a deixar de existir no papel.

Previsão para implantar em todas as secretarias? Ainda sem data. “A gente vai avaliando o quanto se pode avançar”, avisa Leda.