Quando liberais e desenvolvimentistas se tornam só um

Redação

19 de fevereiro de 2009 | 06h00

Foi com certa surpresa e satisfação que alguns dos presentes à palestra de Armínio Fraga, terça-feira no Instituto FHC, observaram José Serra anotar o que ele dizia. O tema de Fraga foram as proposições do “The Group of 30” (grupo de economistas, banqueiros e empresários do mundo inteiro cujo chairman é o ex-FED Paul Volker).
“Muito interessante”, observou o governador sobre as ideias do ex-ministro. Que registrou sua presença com outro comentário: “Está aqui um dos meus opositores”.

Tem razão Fraga – que, mesmo atacado de labiritintite, não perdeu o fio da meada. Ele entende que a crise mundial está fazendo com que posicionamentos ideológicos fiquem em segundo plano, quando a intenção é arrumar caminhos para o mundo sair desta.

Leia outras notas no blog da coluna Direto da Fonte

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.