PT or not PT

Sonia Racy

08 Agosto 2015 | 00h36

A coluna perguntou a dois estudiosos ligados ao petismo: “O que o PT deveria fazer, na atual situação?”

Aldo Fornazieri, da Sociologia e Política, defende que o PT “faça uma autocrítica pública”, reconheça erros e proponha novo pacto fundado em combate à corrupção. Dentro do partido, deveria expurgar os envolvidos em condutas impróprias e abrir processo de refundação.

PT or not PT 2

Já para o historiador Lincoln Secco, para sobreviver o PT precisa se posicionar sobre a Lava Jato e defender o fim de doações empresariais. Deve ainda cobrar, de Dilma, medidas compensatórias para a base social petista. Para Secco, isso soa como “uma rendição”, porque deixa o partido eleitoralmente menor, mas lhe devolve o discurso ético.