Projeto de lei quer aumentar penas de quem maltratar animais

Sonia Racy

06 de fevereiro de 2019 | 00h50

O caso do cachorro espancado e morto em supermercado de Osasco, em novembro passado, virou projeto no Senado e já está na fila na Câmara. Apresentado por Randolfe Rodrigues, o texto propõe ampliar as penas, chegando a prisão de um a quatro anos para quem maltratar ou ferir animais, domésticos ou não.

Leia mais notas da coluna:
Tasso contrata equipe de segurança pessoal
‘Decisão sobre Avianca traz insegurança’, diz presidente da Latam

Mais conteúdo sobre:

Randolfe Rodrigues