Primeiro memorial físico para vítimas da covid começa a funcionar no dia 21

Primeiro memorial físico para vítimas da covid começa a funcionar no dia 21

Sonia Racy

09 de outubro de 2020 | 00h55

Parque do Carmo. Foto: Sergio Castro/Estadão

O primeiro memorial físico para vítimas da covid-19 começa a funcionar no dia 21, no Parque do Carmo.

Segundo uma das idealizadoras, Celeste Leite dos Santos, do Projeto Avarc do MP-SP, a homenagem inclui cápsula onde cartas de familiares serão lacradas.

O intuito é repetir o modelo em outros parques de SP.

Amém 

Celso Russomanno, apesar de ser apontado como evangélico por  sua relação do a Record, é católico. Ele tem frequentado a missa do padre Marcelo Rossi.

 Sucessão? 

José Eduardo Cardozo encarna o professor de oratória em curso para operadores do Direito ao lado da… filha. Ela é advogada no escritório do pai, como é comum no Direito.

N ideias  

Nizan Guanaes, novo estrategista de marcas, tem a pura certeza que se transformou em uma startup. “Posso estar em Harvard, Stanford ou na China no melhor interesse de meus clientes, sem nenhuma dificuldade”, contou à Robb Report.

 Seu novo mote é: “Quem tem custo tem medo.”

 N ideias 2 

De uma estrutura de 2500 funcionários nas suas agências, a consultoria N ideias abriga hoje três pessoas em 57 metros quadrados. “Foram meus erros que moldaram o novo Nizan e a N Ideias”, diz.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: